ALERGIAS AO PÓLEN – o que fazer?

adult-man-changing-reality
Uma Lenda Chinesa
2 Março, 2015
medoo
A escada do desejo e do medo
19 Março, 2015

ALERGIAS AO PÓLEN – o que fazer?

alergia-a-pólen1

ALERGIAS AO PÓLEN – o que fazer?

As alergias são reacções do sistema imunitário quando este entra em contacto com substâncias alérgenas, sejam elas do foro alimentar ou não. Uma substância estranha ao organismo pode provocar uma reacção alérgica numa pessoa e noutra não. A capacidade de resposta depende do estado do nosso S.I. (sistema imunitário) que, por razões diversas, pode estar debilitado. Entre essas razões salientam-se o stress, o cansaço, alimentação deficiente (falta de alguns nutrientes), estados emocionais negativos (a tristeza, a raiva, os estados depressivos, todo esse tipo de sentimentos enfraquecem o S.I.). Pelo contrário, os pensamentos positivos, a harmonia e a Alegria fortalecem-no!
No caso específico das alergias respiratórias, na maior parte das vezes causadas pelo pólen, existem algumas coisas que podemos fazer para ajudar a aliviar a alergia e outras que devemos evitar.

A evitar
– situações de stress;
– alimentos: açúcar, doces, lacticínios, tomate, chocolate, ovos, glúten, compota, alimentos enlatados, crustáceos, pastelaria doce e salgada, amendoim e bebidas gaseificadas;
– o contacto com tapetes, alcatifas, tecidos espessos e colchões.

O que fazer
Vit C: tomar 2 a 3 gr. por dia (por exemplo, 1 gr ao pequeno almoço, 1 gr a meio da manhã com um sumo natural de fruta ou um chá quente, 1 gr ao almoço); –Vit do complexo B: tomar 1 comp. por dia;
Manganês: 1 comp. por dia;
– os ácidos gordos essenciais ómega 3 e ómega 6 são importantes, bem como a Vit A (em pouca quantidade) e o Zinco, porque desempenham um papel fundamental na produção dos anticorpos que neutralizam os alérgenos;
alimentos aconselhados: cereais integrais, algas (em pouca quantidade), legumes de folhas verdes, cenoura, abóbora, nabo, rábano, rabanete, batidos de fruta feitos e bebidos na hora (*);
chá de gengibre: num litro de água a ferver, juntar 6 a 8 rodelinhas de gengibre (utilizar a casca se em boas condições), 4 grãos de pimenta preta, 1 c. de chá de erva doce (ou 2 a 3 anis estrelado);
chá de raiz de flôr de lótus: colocar 3 a 4 rodelas de raiz de lótus seca em 1/2 litro de água, deixar de molho cerca de 10 minutos e depois ferver durante 5 a 10 minutos. Beber quente, 2 a 3 chávenas por dia;

(*) exemplo de um smoothie, ou batido de fruta, para beber de manhã ou a meio da manhã junto com as vitaminas: num copo liquidificador junte 1 banana, 1 maçã, 1 pêra, salsa, aipo e um pouquinho de gengibre. Adicione água, bata bem e beba de seguida (para não oxidar).

Publicado no http://chodon-budismo.blogspot.com, em 18/03/2010

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>